FILHO DO MEIO


Hoje é dia de falar do filho que geralmente fica esquecido. O filho do meio, muitas vezes fica no “limbo”.

Passado o furacão de emoções que esses pais viveram com o primogênito, é chegada a hora de relaxar, pois eles já são experientes e já não é tão novidade assim, ter um filho.

E é aí que mora o perigo, pois o filho do meio necessita se reinventar a todo tempo para se destacar nessa família.

Segundo a Dra Jane Nelsen, em seu livro Disciplina Positiva: O guia clássico para pais e professores que desejam ajudar as crianças a desenvolver autodisciplina, responsabilidade, cooperação ... para resolver problemas, “Eles geralmente se sentem esmagados no meio, sem os privilégios do mais velho ou os benefícios do mais novo. Isso fornece boas razões para adotar a interpretação equivocada de que eles têm que, de alguma maneira, ser diferentes para serem importantes. Essa diferença pode tomar a forma de alto ou baixo desempenho, superfalante ou introspectivo, rebelde com causa ou simplesmente rebelde.

A vantagem do filho do meio é que ele não sofre a pressão que o mais velho sofre, então está mais livre para experimentar diferentes formas de se relacionar, são mais ativos, criativos e podem usar de exemplo tanto o comportamento do mais velho, quanto do mais novo.

A desvantagem é que como ele fica no meio, muitas vezes acaba esquecido e tem que buscar formas de se destacar perante os irmãos. Muitas vezes fica perdido, tentando imitar aquele que teve algum destaque e pode ora copiar o mais velho e ora o mais novo. É muito comum ouvir o irmão do meio sempre se lamuriando da falta de atenção ou a pouca atenção que recebeu dos pais. Alguns filhos do meio, podem ficar mais tímidos e retraídos perante a vida, pois se acostumam aquele lugar de pouco destaque. E sua atitude perante a vida pode ser de conformismo, dependendo da sua personalidade.

Como disse em outro texto, a ordem do nascimento não é fator único e determinante. A personalidade e outras características, como por exemplo a função de gênero da criança, também influencia muito.

Aqui no caso, do filho do meio, ele pode ser extrovertido e o mais velho introvertido, o mesmo acontece se o primeiro for uma menina e o segundo um menino, ambos poderão ter características de mais velho.

O mesmo pode acontecer em relação a distância e a competitividade existente na família. Esses irmãos poderão ser muito diferentes ou ter características muito parecidas.

Dra Jane, salienta: “Quando uma criança tem a oportunidade de estar em uma posição por mais de quatro anos, ela já formou muitas interpretações sobre a vida, sobre si mesma e sobre como sentir que é aceita e que tem importância. Isso deve se modificar quando a configuração familiar mudar, mas em geral não muda totalmente. É interessante observar o que acontece algumas vezes quando o filho mais velho sai de casa para a faculdade. O segundo filho pode mudar consideravelmente, assumindo mais responsabilidade, mas sem a intensidade de perfeccionismo.”

O fato é que todos nós seres humanos, estamos na busca de atenção, sermos vistos e amados. Estaremos sempre fazendo algo para corresponder a expectativa das pessoas e principalmente dos nossos pais.

Então se você é pai ou mãe, entenda que cada filho tem a sua característica, sua personalidade e nasceram em momentos diferentes da sua vida e do mundo.

Cada um merece a sua atenção devida, observação para adequar as regras e forma de educar.

Evite comparações e generalizações, pois essas estimulam ainda mais a competição entre os filhos.

Claro, que devemos lembrar, que iremos fazer a nossa parte, mas em toda a relação humana, temos os dois lados da interpretação. Você poderá dar o seu máximo como pai e mãe, mas seu filho fará a interpretação dele para os fatos.

Ser pai ou mãe é padecer no paraíso!! Mas é uma experiência trabalhosa e de persistência.

Hoje estou falando da dor, mas é claro que se você é pai ou mãe, sabe da delícia de se ter um filho.

Bjs e até a próxima

Deborah Garcia - Psicóloga

Crp: 06/62436

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square